Posts com a Tag ‘marketing’

Já é Natal para o Marketing…

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

O Natal já está quase chegando e muitas empresas já utlizam o evento especial, que toca o coração das pessoas, para aumentar suas vendas. Algumas delas utilizam a oportunidade de maneira muito criativa, como foi o caso da Bauducco.

Vale visitar o site: http://www.natalbauducco.com.br/ e chamar as crianças. É uma incrível oportunidade delas conversarem diretamente com o “Bom velhinho”.

Em um ambiente bastante Natalino as pequenos podem interagir com o Papai Noel. Digitando dados simples, como idade, cor preferida e nome, a criança consegue criar uma história bem personalizada para o seu próprio presente, sem falar na simpatia do Papai Noel no vídeo.

Além disso é possível ainda brincar com o Natal através de outras atividades no mesmo site, como a pintura de cenários natalinos, floquinhos de neve frente à sua webcam ou mesmo escrever sua própria cartinha pra o Papai Noel. Quem tem filhos ou crianças na família vai adorar, mas, se não tiver nenhuma criança por perto e resolver você mesmo brincar sozinho, também vai curtir bastante :)

O Marketing é das mulheres!

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Pesquisa feita pelo portal Mundo do Marketing e a empresa de recrutamento especializado Michael Page traçou o perfil do profissional de Marketing no Brasil.

Mulheres são a maioria nos postos de trabalho da área, com 57,5%, enquanto o homens ocupam 42,5%. Outro dado interessante é que a maior parte dos profissionais (44%) tem entre um e cinco anos de trabalho na mesma empresa, mostrando certa estabilidade no setor e a maioria deles também trabalha em pequenas empresas (52%).

O grau educacional dos profissionais de marketing também é elevado. A pesquisa demonstra que 62% tem pós-graduação ou MBA.

Veja mais detalhes da pesquisa em: Mundo do Marketing

Ele faz aniversário: 1 ano de blog!

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Esse post é uma comemoração pessoal. Há cerca de um ano, no mês de fevereiro, surgiram meu site pessoal e este blog. Um espaço onde pudesse colocar minhas ideias, compartilhar novidades, um blog meu que falasse de comunicação.

Este blog foi apenas um sonho durante anos, mas com o incentivo dos amigos, da família, um projeto concreto, uma guinada na carreira, um pouco de boa vontade e muita perseverança da minha parte fizeram o sonho se tornar realidade. No mês de fevereiro este blog completa seu primeiro ano de vida!

Foram mais de 8.000 acessos ao blog nesse período, alguns comentários e uma centena de e-mails recebidos com sugestões de pautas, solicitando ajuda nas áreas de comunicação e marketing, pedidos de dicas e conselhos de profissionais dessa área.

Se pude e tive o prazer de ensinar um pouquinho e compartilhar com tanta gente a minha opinião e minhas experiências, pude ainda APRENDER muito, muito, muito mais com todos vocês. E para essa troca realmente não há preço!

Ficam aqui meus sinceros agradecimentos aos leitores fiéis, ao público carinhoso que envia sempre comentários construtivos, aqueles que lêem e retransmitem os posts, àqueles que questionam, fazem sugestões, interagem e etc. A todos vocês, meu muito obrigada pela atenção. Vocês são SHOW!

Você sabe quanto pagar por serviços online?

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Quando se fala em serviços no universo digital todo mundo tem suas dúvidas, mas com certeza a principal delas é: quanto pagar?

Seu chefe vai dizer: “Tudo isso!!!!! Mas é só um sitezinho, um perfil simples no Twitter, que é de graça!!!!!.” E os criativos vão reclamar: “Dá trabalho. Ninguém sabe o quanto é complicado criar para web. Tem que ter tempo, criatividade. A gente tem que cobrar pela ideia!” e os marketeiros vão justificar: “Nossa marca tem que ter presença online.”

E nesse mundo virtual, no qual toda marca tem que estar presente mesmo, ainda existem muitas dúvidas sobre quanto vale cada trabalho. Pensando nisso, em orientar e apoiar o crescimento legal e sustentável de toda a cadeia que envolve as ações digitais no país, que a APADi – Associação Paulista de Agências Digitais criou o Manual de Serviços Digitais, baseado nos valores praticados no maior mercado de agências digitais do Brasil e a Tabela de Preços da APADi, que inclui os preços médios dos principais produtos e serviços dirigidos à Internet.

O manual é muito bom e serve de guia para suas próximas contratações digitais!

Confira o manual completo aqui: http://www.manualdeservicosdigitais.com.br/download/manual-de-precos-e-servicos-digitais-apadi.pdf

Empresas ainda não conseguem explorar o potencial das mídias sociais

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Empresas ainda exploram muito mal as redes sociais, segundo pesquisa realizada pela Harvard Business Review Analytic Services, a pedido da empresas SAS.

Esse fato não é novo aqui no Brasil. Tanta barbaridade que vemos, como a campanha da Nissan às vezes desanima, mas é bom saber também que os gringos não estão na nossa frente também. Às vezes ficamos com a impressão de que nossa realidade é diferente, mas não é. As mídias sociais ainda requerem muitos testes e aprendizados, seja para brasileiros, americanos, europeus ou quem quer que seja.

O estudo rmostra que poucas empresas (31%) medem a eficácia das mídias sociais e usam ferramentas de análise (23%). O percentual de empresas que integram mídias sociais a atividades de marketing também é baixo (7%).

Confira aqui a pesquisa completa: http://www.sas.com/resources/whitepaper/wp_23348.pdf

Ah, só um parênteses em relação à campanha da Nissan. Havy users de mídias sociais consideraram a campanha uma verdadeira “panfletagem digital” e já tornou-se case bastante criticado, afinal, quem quer ter sua timeline lotada de Tweets da Nissan? 44.500 RT é um verdadeiro exagero, mas que, principalmente, não agrega valor nenhum à marca e aos internautas. Isso não é engajamento, muito menos interação. É empurrar goela abaixo uma marca para quem provavelmente não quer saber dela. Tanto se fala hoje em conteúdo relevante para atrair seguidores e a Nissan dá uma bola fora dessas…mas enfim, que sirva pelo menos para outras marcas não repetirem o erro.

Marketing nas redes sociais? Indispensável!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Alguém ainda duvida da importância das redes sociais para o marketing? Já é passada a hora do marketing se adaptar e utilizar de forma estratégica as mídias sociais.

Certamente ainda não encontramos a fórmula mágica para atuar nessas novas mídias e vai ser um duro e árduo caminho para que cada empresa consiga seu espaço e notoriedade dentro de seu segmento, afinal, não é só de mídias que estamos falando como antigamente. Agora as mídias são SOCIAIS e, portanto, baseadas em RELACIONAMENTO. Isso significa que cada pessoa da rede de atuação de uma emrpesa é única e por isso precisa de um atendimento, um contato único também.

Ninguém disse que é fácil atuar com marketing hoje, diante de tantas mudanças e tanta variedade de mídias e de pessoas, mas não dá para negar também que esse aprendizado pode ser muito divertido :)

E-mail Marketing, mídias sociais ou mobile marketing?

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Mais um gráfico bem legal do Flowtown sobre os três pilares do Marketing de hoje: Mobile, E-mail Marketing e Mídias Sociais e a integração entre eles.

As empresas tem usado o Facebook, Twitter, Linkedin, YouTube como principais mídias sociais integradas ao e-mail marketing, mas a pesquisa traz muitosoutros dados. Veja mais detalhes no infográfico abaixo:

E a sua empresa usa qual dos três pilares? Os três? E qual os resultados? Compartilhe!

O marketing ontem e hoje

quarta-feira, 16 de junho de 2010

No gráfico abaixo dá para entendermos melhor – visualmente – essa diferença entre o os marketings de ontem e de hoje:

Ontem as empresas valorizavam a quantidades de pessoas que podiam atingir e, por isso, concentravam seus investimentos nas “Maiorias prematuras” e “Maiorias tardias”, que são os grupos mais numerosos.

Hoje as empresas de sucesso estão preocupadas com o “valor” e por isso os investimentos em comunicação não estão relacionados aos grupos com maior número de pessoas, mas sim nos grupos mais influentes. Os adotantes prematuros influenciam fortemente o restante da curva e persuadi-los vale mais a pena do que investir tempo e dinheiro em qualquer outro grupo. Nesse grupo de influenciadores as mensagens enviadas pelas empresas também são muito mais personalizadas, ao contrário do “marketing de massa” que era feito antigamente, na qual a mesma mensagem era propagada para todo o público.

Se os “Adotantes prematuros” gostarem de seu produto ou serviço, vão propagá-lo para o restante dos grupos que são mais receosos a aderir a novas ideias, marcas, produtos e serviços sem indicação segura, que é dada pelos amigos “Adotantes prematuros” e por isso as redes sociais são uma ferramenta essencial para empresas atuarem com esse público, afinal, criar relacionamento com esses “Adotantes prematuros” para apresentar seus produtos deve fazer parte da estratégia. E é também nas próprias redes sociais (virtuais ou não) que esses “Adotantes prematuros” vão propagar as informações de produtos e serviços que gostarem. A recomendação de um amigo “Adotante prematuro” é muito bem aceita pelo restante da curva.

Fonte: A vaca Roxa – Seth Godin

Importante é ter uma marca saudável

terça-feira, 8 de junho de 2010

Marca é a representação simbólica de uma entidade, qualquer que ela seja, algo que permite identificá-la de um modo imediato como, por exemplo, um sinal de presença, uma simples pegada. Na teoria da comunicação, pode ser um signo, um símbolo ou um ícone. Uma simples palavra pode referir uma marca.

A OMPI – Organização Mundial de Propriedade Industrial – define a marca como um “sinal que serve para distinguir os produtos ou serviços de uma empresa dos outros de outras empresas”.

Segundo Kotler, “talvez a habilidade mais característica dos profissionais de marketing seja a capacidade de criar, manter, proteger e melhorar uma marca. Para os profissionais de marketing, o estabelecimento de uma marca é a arte e a essência do marketing.”

Quando se fala em marca, é comum estar-se a referir, na maioria das vezes, a uma representação gráfica, no entanto, o conceito de marca é bem mais abrangente que o visual. Não é por acaso que hoje há tanta preocupação das empresas e dos profissionais de comunicação e marketing com a “gestão de marca”. Marca é o bem mais precioso que uma empresa possui.

A construção de uma marca forte para um produto, um linha de produtos ou serviços é consequência de um relacionamento satisfatório com o mercado-alvo. Quando esta identificação positiva se torna forte o bastante, a marca passa a valer mais do que o próprio produto oferecido, por isso é tão importante manter uma marca saudável.

No quadro abaixo existem alguns pontos que podem nos ajudar a identificar se uma marca é saudável e bem gerida. Confira:

Fonte: Revista M&M – 31 de maio de 2010 – p.4 – Oportunidades e Ameaças na era das marcas – Walter Falceta Jr.

8 de maio – Dia do Profissional de Marketing

sábado, 8 de maio de 2010

Simpática homenagem do Bríndice aos profissionais de marketing, cada vez mais exigidos e ainda tão pouco valorizados. Feliz Dia do Profissional de Marketing!